18 de outubro de 2010

LUZ E ESCURIDÃO - GEISE CRUZ

Nas luzes da escuridão
vejo tua imagem refletida
vejo nosso amor, minha vida,
tudo na escuridão das luzes

Os poemas, os links, vejo o amor de Afrodite
nas luzes da escuridão
e vejo o teu sorriso a iluminar o meu caminho
como os raios de um trovão

Vejo o singelo, o belo e o fugaz
tudo isso nas luzes que a escuridão me traz
vejo teu corpo nu, em tons cinzentos,
vejo nosso amor, teu encanto, meu alento

Mas acima de tudo vejo um sublime amor
que desperta meu carinho
desabrocha como flor
no jardim da minha vida

E mostra que não há luz ou escuridão
nós pintamos nossa vida, nós fazemos a canção
em tons de um azul-cinzento
ou colorido como um pôr-do-sol

4 comentários:

Mario Fausto disse...

Olha só, rapá. Pequena escritora, grandes resultados.

Geisinha disse...

Brigada Mário desse jeito eu vou acabar me achando viu^^

Se cuida.

Mario Fausto disse...

^^

*Menina lua* disse...

massa, parabéns pelo blog, obrigada por me seguir. Suas contribuições são sempre bem-vindas!!!!
Depois quero umas dicas sobre blogspot, quero incrementar o meu! rsrsrsrsr
beijão e uma ótima semana